Home Voos Baratos Voos baratos para Tóquio desde 486€

Voos baratos para Tóquio desde 486€

por Tuga Viajante
0 Comentar 28 visualizações
[metaslider id=”3311″]

Voos baratos para Tóquio desde 486€

Hoje tenho voos baratos para Tóquio, a capital do Japão.
Ainda não estive em Tóquio, mas já passei por Hiroshima, Quioto, Nara e Osaka. Acredita que até hoje não houve país que me surpreendeu tanto como o Japão.
A Cultura e as pessoas são uma coisa completamente à parte, tudo é cuidado ao detalhe, muito limpo e as pessoas são de uma simpatia, prestabilidade e educação sem igual.
Podes ler um pouco sobre a minha viagem aqui É caro viajar para o Japão? e aqui Histórias de Viagem – Japão (Parte 1)


Kyoto, antiga capital do Japão, é uma cidade da ilha de Honshu, famosa por seus vários templos clássicos budistas, jardins, palácios imperiais, santuários xintoístas e casas de madeira tradicionais. Ela também é conhecida pelas tradições formais, como o jantar kaiseki, com vários pratos específicos, e as gueixas, geralmente encontradas no distrito de Gion.
O Caminho dos Filósofos, ao longo de um canal com árvores de cerejeira e bordo, tem templos como Ginkaku-ji, com seu lago emoldurado por pinheiros, e Nanzen-ji, com seu famoso jardim zen. O Templo Kiyomizu-dera, na encosta, é conhecido por sua imensa varanda em estrutura de madeira. O Santuário Fushimi Inari-taisha tem uma espécie de túnel com centenas de portais “torii”, na cor laranja-claro, em meio à floresta. O Castelo de Nijō, da era xogum, tem decoração interna elaborada em madeira entalhada, enquanto o Kinkaku-ji, Templo do Pavilhão Dourado, é folheado a ouro. A oeste, no bosque de bambu de Arashiyama, é possível caminhar tranquilamente entre os elevados bambuzais.

Fonte: Guia Google

Voos

Os voos mais baratos partem são em Junho. Partidas do Porto e de Lisboa.
ATENÇÂO, escolham a operadora MyTrip para obter estes preços.
Não viagem sem seguro de saúde, têm um link em baixo para a Iati seguros com desconto para vocês.


Notas: 
Os preços dos voos podem variar rapidamente, o que podem ser mais
caros ou mais baratos quando abrir os links.


Toquem nas letras vermelhas ou nas imagens para abrir os Voos.

Desde o Porto

Porto – Tóquio 06/06 a 22/06/2019 (500€)

Porto – Tóquio 19/06 a 26/06/2019 (486€)


Porto – Tóquio 19/06 a 26/06/2019 (486€)

Porto – Tóquio 05/06 a 18/06/2019 (486€)

Porto – Tóquio, outras datas em Junho de 2019


Desde Lisboa

Lisboa – Tóquio 07/03 a 15/03/2019 (491€)


Lisboa – Tóquio 07/03 a 15/03/2019 (491€)


Lisboa – Tóquio 07/06 a 15/06/2019 (491€)

Lisboa – Tóquio 07/06 a 19/06/2019 (499€)

Lisboa – Tóquio, outras datas em Junho de 2019

Outras Informações

Línguas

O único idioma oficial é o japonês. O estudo de inglês é obrigatório no sistema de ensino. No entanto, não é fácil, sobretudo fora de locais eminentemente turísticos, mesmo nos centros urbanos, comunicar facilmente noutra língua que não a nipónica, pelo que é aconselhável familiarizar-se com algum vocabulário básico de japonês.

Moeda local e sistema bancário

A moeda local é o yene – JPY.
Além dos bancos existem caixas automáticas nas agências do correio ou nas lojas de conveniência – «Seven Eleven», «Family Mart», «Lawson».
Se for portador de cartão (de débito ou crédito) estrangeiro, o local mais fácil para levantar dinheiro é nas lojas de conveniência acima referidas.
Sugere-se que antes da sua partida para o Japão que se informe junto do seu banco sobre as condições e locais em que poderá  usar o cartão de crédito português em agências bancárias japonesas.

Regime de entrada e estada / vistos

Os cidadãos nacionais estão isentos de visto pelo período de 90 dias para turismo. A entrada com a finalidade de turismo não permite o pedido de prorrogação nem autorização de residência neste país.
Existem vários tipos de visto concedidos pelo Japão, devendo os interessados requerer o visto adequado na Embaixada do Japão do país da sua residência. O prazo de validade e o tipo de visto emitido devem ser rigorosamente respeitados e o facto de não abandonar o país até à data da sua expiração, tal poderá resultar em multa e deportação, tendo como consequência a proibição de entrada no Japão por um período de dois anos. Eventuais deportações efectuar-se-ão a expensas do viajante.
O visto não garante a entrada por si só, já que esta decisão continua a ser competência das autoridades de imigração do país em causa, nomeadamente dos oficiais de segurança da fronteira.

Cuidados de saúde

A rede sanitária é de muito boa qualidade. Não existem patologias específicas japonesas nem registo de contaminação humana por vírus com potencial pandémico.
No caso de ter efetuado um seguro internacional de saúde certificar-se que o mesmo é coberto no Japão ou que tem um acordo com uma seguradora local.
Existem restrições à entrada de medicamentos no Japão, mesmo que para uso pessoal. Se necessitar trazer a sua medicação para o Japão, a mesma deverá vir sempre acompanhada de declaração médica sobre o seu estado de saúde e necessidade do seu uso. Para mais informações entrar em contacto com a Embaixada do Japão em Lisboa.

Nota: Esta informação foi resumida a partir do Portal das Comunidades e pode conter algum erro ou não estar atualizada à data da tua leitura. Sugiro que leias a informação atualizada na página oficial Portal das Comunidades.

Meus Tugas, vão lá, e divirtam-se e enviem-me um postal de lá.  Até já!

Procura Alojamento Aqui!

Booking.com

Procura Outros Voos Aqui!

Procura Aluguer de Carro Aqui!

Procura Seguro De Viagem Aqui!

Lê mais sobre seguros de viagem AQUI

Outras Ofertas






Também podes gostar

Deixar comentário

* Ao usar este formulário, você concorda com o armazenamento e o manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler mais

UA-114983103-1