Home Guias de Viagem É caro viajar para o Japão?

É caro viajar para o Japão?

por Tuga Viajante
1 Comentar 33 visualizações

Olá Tuguinhas, então ficaram com muita vontade de ir? E querem saber se é caro viajar para o Japão? Com certeza que algumas das imagens que partilhei vos deram vontade de comprar o bilhete e ir. E ainda viram muito pouco! Posso dizer-vos que para mim foi um sonho tornado realidade, desde pequeno que admiro a cultura japonesa, o respeito, educação e humildade das pessoas, os templos, a história, a tecnologia, a comida, ai a comida é tão boa!!! Alguém que abra um restaurante Japonês com mais opções para além de Sushi e me convide 😉

Já tenho saudades e fome ?! Bom, nos próximos artigos vou explicar-vos tudo o que precisam de saber para ir ao Japão sem dificuldades, porque definitivamente vocês têm que ir. Se eu puder, vou com vocês.

 

Uma das perguntas que mais me fazem é se fica caro ir ao Japão, ora bem, fizeram a pergunta à pessoa certa 😉 Neste artigo, vamos falar sobre o que gastei em geral e depois em artigos mais específicos explico como fiz as pesquisas e decidi o que comprar.

Obviamente que ir ao Japão não fica ao mesmo preço que ir a Barcelona mas não fica assim tão caro como se imagina. Uma das razões é porque o Yen Japonês tem desvalorizado, ou seja, o nosso euro dá para comprar mais coisas por lá. Outra razão é a crescente procura por Japão como destino turístico, consequentemente as companhias aéreas abrem mais ligações para lá, abrem mais alojamentos, abrem mais restaurantes, etc. E claro, quanto mais concorrência mais luta por preços atractivos e ou melhores serviços.

Voos

De Paris para Hiroshima e volta, o voo custou 300€ pela Eastern China Airlines, é assim tão caro? Eu lembro-me que há uns anos atrás tive curiosidade de perguntar numa agência e falaram-me em valores perto dos 1000€. Por isso está num excelente preço a meu ver. Ok, ok, o meu voo fez escala em Shangai o que se torna um bocado cansativo depois de 11 horas num voo ainda ter que fazer mais um por muito curto que seja. Mas este voo encaixava perfeitamente em datas possíveis para eu viajar, por isso fiz o sacrifício. Mas não desanimem, já vi voos da Air France directos de Paris para Tóquio a pouco mais de 300€. já sabem como encontro os voos neste artigo 5 dicas para encontrar voos baratos. O meu voo incluía mala grande de porão mais uma mala na cabine e refeições, 3 no voo mais longo e 1 no voo mais curto. Gastei mais 20€ para escolher o lugar nos voos mais longos, eu gosto de ir à janela para me poder encostar para dormir 😉

Do Porto para Paris, Paris para Barcelona e Barcelona Porto, gastei 75€ no total. Não precisam ir todos a Barcelona, eu decidi ir porque ainda tinha mais uns dias e o voo estava bastante barato.

Alojamento

A minha estadia ficou surpreendentemente barata. Não estava nada à espera que fosse tão barato e fiquei ainda mais impressionada com a qualidade e limpeza dos sítios em que fiquei. Vocês já sabem que gosto de ficar em Hostels, como vos expliquei neste artigo 7 Razões porque deves ficar num Hostel pelo menos uma vez na vida, no Japão o mais parecido com Hostels são os Capsule Hotels, que agora estão a transformar-se em Hostels. O conceito Capsule é basicamente um cubículo com um colchão dentro em quartos partilhados e que pode ter TV, Rádio, Climatização etc. dependendo da qualidade do mesmo. Basicamente é como um beliche de um Hostel mas com privacidade e TV só para ti ?. No sítios que fiquei, a limpeza, a simpatia, o conforto, todos os produtos disponíveis para uso eram a nível de 5 estrelas. Não estou a exagerar, já estive em hotéis a pagar muito mais por noite que não chegavam aos calcanhares destes Capsule Hotels. Mais tarde faço um artigo dedicado aos Capsule Hotels para tu perceberes tudo.

Vamos a contas, em Hiroshima fiquei num Capsule Hotel Capsule Hotel Cube Hiroshima de quarto privado 2 noites ficaram por 42€. Em Kyoto fiquei num Capsule Hostel The Lower East Nine Hostel, 4 noites ficou por 54€ em Osaka fiquei num Capsule Hotel Capsule Hotel Astil Dotonbori 5 noites ficou por 115€. Em todos estava incluído toalhas, roupa de cama, produtos de higiene pessoal de vários tipos e marcas e outros serviços. Destaco o The Lower East Nine Hostel pelo excelente pequeno almoço incluído, sinceramente não sei como é possível fazerem um preço tão baixo tendo em conta tudo o que oferecem, é excelente!

Transportes

Para te movimentares entre cidades tens três opções, voos, comboios e autocarros. Dependendo do teu roteiro, uma dessas opções será a mais indicada para ti.

Dentro das cidades tens comboio, metro e autocarros como as melhores opções. Existem passes para os comboios que podem incluir várias cidades e outros passes diários ou de mais duração. Os preços são bastante semelhantes aos nossos, excepto o JR Pass que inclui o comboio bala (Shinkansen) que é um pouco caro mas que ainda assim pode compensar dependendo do teu roteiro.

Vou explicar-te tudo depois num sobre os transportes num artigo dedicado.

Comida

A opção mais económica para comer são os supermercados, que estão em todo o lado, como o 7 Eleven, Family Mart entre outros. Habitualmente estes supermercados têm comida preparada diariamente que basta aquecer no micro ondas e é bastante boa. Para mim foi sempre a minha escolha quando chegava cansado de um dia intenso e só me apetecia um duche, jantar e dormir. Bastam 5 euros para um bom jantar nestes pequenos supermercados.

Nos restaurantes em geral podes comer entre 8€ a 15€, ramen, sushi, pratos combinados com tudo incluído. O que achei caro foi a carne de vaca e a cerveja. A única carne de vaca que vi foi Kobe Beef, que é uma carne reconhecida mundialmente como carne de alta qualidade, o mais barato que vi foi cerca de 25€ por um bife. A cerveja, é maioritariamente de qualidade artesanal ou seja não vi uma marca corrente como a Super Bock ou a Sagres. Num supermercado compras por 2€ ou 3€, mas nos restaurantes ou bares mais barato que paguei foi 5 €. Curioso é que podes beber whisky ou sake pelo mesmo preço que uma cerveja.

Ah!!! Os japoneses também bebem cerveja com whisky, nos bares normalmente o shot de whisky vem separado e o cliente adiciona à cerveja. Mas nos supermercados há latas já pré misturadas. Tem cuidado para não te enganares como eu ? quase que morria quando percebi que bebi meia lata de cerveja de uma vez que afinal tinha whisky!

 

Como podes ver, não é de todo caro viajar para o Japão. Tendo em conta que o preço dos voos é um pouco acima da média, justificado pela distância, vale a pena tentares ficar o mais tempo possível lá visto que a estadia e alimentação não é cara. Assim consegues aproveitar ao máximo o investimento que fizeste nos voos.

Nas próximas semanas vou continuar a dar-te dicas sobre o Japão para saberes como te orientar antes de ir e por lá.

 

Beijinhos e abraços Tuguinhas ?

Também podes gostar

1 Comentar

Voos baratos para Tóquio desde 486€ - Tuga Viajante 30 Janeiro, 2019 - 19:55

[…] de uma simpatia, prestabilidade e educação sem igual.Podes ler um pouco sobre a minha viagem aqui É caro viajar para o Japão? e aqui Histórias de Viagem – Japão (Parte […]

Responder

Deixar comentário

* Ao usar este formulário, você concorda com o armazenamento e o manuseio de seus dados por este site.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Ler mais

UA-114983103-1